Minhas Compras
Você adicionou a sua lista de compras. O que deseja fazer agora?
Continuar Comprando! Fechar Compra!

Notícias

Informe-se com as notícias mais atuais

Juíza mantém prisão de 9 de 10 militares do Exército envolvidos na ação que matou músico

Audiência de custódia foi na 1ª Circunscrição da Justiça Militar. Corpo de Evaldo Rosa foi enterrado com protesto. Ministros falaram sobre ação com mais de 80 tiros.

Juíza mantém prisão de 9 de 10 militares do Exército envolvidos na ação que matou músico

A juíza Mariana Campos, da 1ª auditoria da Justiça Militar, decidiu pela conversão da prisão temporária em preventiva de 9 dos 10 militarespresos por participação na morte de Evaldo da Silva. Durante ação do Exército, no domingo (7), foram dados mais de 80 tiros no carro da família de Evaldo em Guadalupe, na Zona Norte.
Outras duas pessoas ficaram feridas na ação: o sogro dele, Sérgio Gonçalves, e um homem que passava e tentou ajudar. Segundo investigadores, "tudo indica" que os militares confundiram o veículos com o de assaltantes.
O único que terá liberdade provisória será o soldado Leonardo Delfino – o único que, segundo os depoimentos, não atirou. Segundo ela, houve descumprimento das regras militares como define o código militar.


Fale com seus clientes!

Fale com seus clientes de forma que eles te ouçam. Anuncie conosco!

TOP
Ouvir Rádio