Minhas Compras
Você adicionou a sua lista de compras. O que deseja fazer agora?
Continuar Comprando! Fechar Compra!

Notícias

Informe-se com as notícias mais atuais

Bolsonaro posta vídeo com homem urinando em outro e o associa a blocos ...

O presidente Bolsonoro tem ou nao o direito de divulgar tal video?

Bolsonaro posta vídeo com homem urinando em outro e o associa a blocos ...

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) publicou no Twitter na noite de hoje um vídeo de um episódio de nudez pública de dois homens, em que um deles inclusive urina no outro, dizendo que "é isto que tem virado muitos blocos de rua no carnaval brasileiro".

"Não me sinto confortável em mostrar, mas temos que expor a verdade para a população ter conhecimento e sempre tomar suas prioridades. É isto que tem virado muitos blocos de rua no carnaval brasileiro. Comentem e tirem suas conclusões", escreveu Bolsonaro no post, feito às 20h08.

O vídeo veiculado pelo presidente começa com um homem com as nádegas de fora dançando em cima de um ponto de táxi. Em seguida, ele se abaixa e um outro homem urina em sua cabeça.

Segundo relatos de usuários do Twitter, o caso teria ocorrido no Blocu, bloco de carnaval que passou ontem por ruas do centro de São Paulo. O vídeo publicado por Bolsonaro mostra um prédio e um ponto de táxi que ficam na Rua Boa Vista, uma das que faziam parte do trajeto do bloco.

Poucas horas após a publicação do vídeo por Bolsonaro, usuários do Twitter defenderam que o tweet fosse denunciado por conteúdo impróprio. Segundo as regras de uso do Twitter, a publicação de "conteúdo adulto criado ou compartilhado sem o consentimento das pessoas retratadas" está sujeita a remoção, e pode ter a conta bloqueada temporariamente. Por volta das 23h20, a gravação já tinha quase 1 milhão de visualizações.

Além de críticas ao fato de Bolsonaro ter divulgado um vídeo de conteúdo adulto, alguns internautas consideraram que o presidente estaria violando a Lei do Impeachment (lei 1.079, de 1950). O parágrafo 7º do artigo 9º diz que "proceder de modo incompatível com a dignidade, a honra e o decoro do cargo" é crime de responsabilidade contra a probidade na administração pública.

Já outros usuários defenderam a iniciativa do presidente. "Eu queria não ter visto esse vídeo que o Bolsonaro compartilhou. É um absurdo o presidente da república postar uma coisa dessas no seu perfil oficial? É. Mas pra mim uma cena daquelas em público é algo infinitamente pior. Acho que a revolta tá sendo com a coisa errada", escreveu a usuária @itsmichss.

Após a publicação, hashtags sobre o assunto entraram nos assuntos do momento do Twitter no Brasil e no mundo. Até as 9h30 do dia seguinte, a hashtag "#goldenshowerpresident" era a terceira mais tuitada no Brasil e as hashtags #ImpeachmentBolsonaro e #BolsonaroTemRazão constavam no primeiro e segundo lugar mundial da rede, respectivamente.

 

Fonte: UOL


Fale com seus clientes!

Fale com seus clientes de forma que eles te ouçam. Anuncie conosco!

TOP
Ouvir Rádio